São tantos ‘brandings’ por aí

Imagino a dificuldade das empresas para escolherem qual elas vão contratar.

Retrato de Wesley Pinto Wesley Pinto São Paulo

Seguidores:
24
Opiniões:
8
Votos:
11
Compartir:
Ilustração principal do artigo São tantos ‘brandings’ por aí

Certa vez me deparei com algum desses grupos espalhados pelas redes sociais, com um anúncio que vendia algo como «branding» no social media. Fiquei curioso e como qualquer apaixonado por branding fui investigar o «conteúdo» por trás da proposta. E o que descobri me deixou muito intrigado.

Após clicar no anúncio um texto que descrevia a prática surgiu, e pasmem, ele não tinha muita diferença do já conhecido planejamento e estratégia nas mídias sociais. Apesar de citar: personalidade, identidade e outros jargões de ambas as atividades que definitivamente compõem uma marca, não as são o branding em si.

Acredito que assim como eu, muitos questionaram o motivo de fundir o termo branding a outras atividades. Será que é para agregar «valor»? Ou será que o termo branding está na moda? Ou quem sabe até o próprio desconhecimento da atividade por muitos profissionais? Ou um problema em fazer a gestão da própria marca e definir uma promessa concreta e eficiente para si mesmo?

Encucado — e um pouco tenso com a «inocente» banalização — pesquisei outros termos que carregassem consigo a palavra: branding. E adivinhem! Encontrei. Na mais explícita forma de tentarem criar seus próprios oceanos surgiram termos como: digital branding, social branding, branding estratégico (doeu!), branding no design thinking...

Tantos «brandings» que imagino a dificuldade das empresas para escolherem qual elas vão contratar, todos «brandings» famintos em provar valor, levando os contratantes a fazerem elevados investimentos, mas que no fim só recebem resultados duvidosos e de difícil mensuração financeira. Isso, sem falar do aproveitamento sobre o desconhecimento de muitos médios e pequenos empresários sobre o tema. No entanto, o maior problema é que todos esses «brandings» não são branding.

Branding é branding, brand que significa marca, mais o «ing» para dar sentido de continuidade. Branding pode ser traduzido como gestão da marca. Branding é um processo, um conjunto de ações estruturadas que proporcionam o descobrimento e cumprimento da promessa da marca, até a implementação em todos os pontos de contato.

Percebam que não foi mencionada a palavra comunicação, nem estratégia, nem «social», mas sim a intenção, a gestão, para que a marca entregue aquilo que ela promete fazer de relevante para as pessoas, e que essa promessa seja percebida nos pontos de contato da marca.

Assim, como já mencionado, branding é a gestão da marca, que irá eventualmente necessitar de serviços de outras atividades, por exemplo as agências de publicidade, mídias sociais, assessoria de imprensa, escritórios de design, entre outros. Todos devendo entregar o melhor de si, mas sempre alinhados as definições do processo de gestão da marca.

Editor: Thales Aquino Rio de Janeiro

Seguidores:
24
Opiniões:
8
Votos:
11
Compartir:
Código QR para acesso ao artigo São tantos ‘brandings’ por aí

Este artigo não expressa a opinião dos editores e responsáveis de FOROALFA, os quais não assumem qualquer responsabilidade pela sua autoria e natureza. Para reproduzi-lo, a não ser que esteja expressamente indicado, por favor solicitar autorização do autor. Dada a gratuidade deste site e a condição hiper-textual do meio, agradecemos que evite a reprodução total noutros Web sites.

Wesley Pinto

Mais artigos de Wesley Pinto

Título:
Branding, enfoque e sucesso
Resumo:
Branding e foco. Descubra um grupo que necessite muito de algo e alinhe a proposta de valor da marca para eles.
Compartilhar:
Título:
O que você acredita que seja Branding?
Resumo:
Muitos profissionais confundem «branding» com atividades de outras áreas. O texto a seguir surge da discussão sobre o seu significado e com as conclusões sobre o que é branding.
Compartilhar:

Debate

Logotipo de
Minha opinião:

Ingresse com sua conta para opinar neste artigo. Se não a tem, crê sua conta grátis agora.

Retrato de Nivia Bellos
0
Nivia Bellos
Nov 2014

Acho triste saber que como uma palavra se tornou banal em tão pouco tempo. Sendo que isso não beneficia nem o profissional competente e muito menos a empresa.

1
Responder
Retrato de Thiago Gruber
0
Thiago Gruber
Set 2014

Será que a palavra "branding" será banalizada como foi a palavra "design", que atua nas mais diferentes áreas fazendo sobrancelhas, unhas e afins?

1
Retrato de Rodrigo Utopia
0
Rodrigo Utopia
Set 2014

Ja foi.

0
Retrato de Wesley Pinto
24
Wesley Pinto
Set 2014

Nas grandes empresas e grandes consultorias branding é muito bem esclarecido. Mas enfim, a realidade da maioria não é a realidade dessas grandes empresas e por isso realmente foi banalizada.

2
Retrato de Renzo Vargas Bejarano
1
Renzo Vargas Bejarano
Set 2014

Parece que sim

0
Responder
Retrato de Rochester Mesquita
0
Rochester Mesquita
Set 2014

Pois eu vou lançar mais um produto no mercado: o E-mail Branding ! kkk

Abraço e continue com os ótimos artigos!

1
Retrato de Wesley Pinto
24
Wesley Pinto
Set 2014

Obrigado amigo, é bom saber que meu trabalho está sendo reconhecido.

Eu ri com E-mail Branding, sua brincadeira revela seu senso crítico e uma realidade triste desse mercado. Parabéns por seu discernimento.

0
Retrato de Ricardo Schrappe
0
Ricardo Schrappe
Abr 2015

E já deve ter gente vendendo o "Facebook Post Branding".

0
Responder

Lhe poderiam interessar

Retrato de Adrián Pierini
Autor:
Adrián Pierini
Título:
O packaging e o mundial de futebol
Resumo:
O desenho do packaging revoluciona-se sempre que há um mega evento desportivo. As grandes marcas, nestas alturas, utilizam todos os recursos gráficos em busca da fidelidade.
Traduções:
Compartilhar:
Interações:
Votos:
5
Opiniões:
1
Seguidores:
447
Retrato de Mariane Garcia Unanue
Autor:
Mariane Garcia Unanue
Título:
Arquitetura, marketing e o design nas cidades
Resumo:
A maneira com que enxergamos nossa cidade depende de como a observamos. Com o projeto dos pontos comerciais não é diferente: eles se comunicam através do design e da arquitetura.
Compartilhar:
Interações:
Votos:
3
Seguidores:
22
Retrato de Joaquin Presas
Autor:
Joaquin Presas
Título:
Cannes e o dia da mentira
Resumo:
Os prêmios são um assunto que despertam discussões acaloradas entre designers. No texto apresento uma breve reflexão sobre o tema.
Compartilhar:
Interações:
Votos:
13
Opiniões:
2
Seguidores:
17
Retrato de Giovanna Lettieri
Autor:
Giovanna Lettieri
Título:
Você não faz branding
Resumo:
Atualmente vemos a super exposição da palavra branding em cartões de visitas, sites e portfólios de freelancers e de empresas. Cuidado, eles provavelmente não fazem branding.
Traduções:
Compartilhar:
Interações:
Votos:
26
Seguidores:
27
Retrato de Alejandra Flechas
Autor:
Alejandra Flechas
Título:
A concorrência e a marca
Resumo:
O papel histórico da marca como estratégia para se diferenciar dos concorrentes, os desafios que as empresas hoje devem superar e o caminho que a marca deverá seguir.
Compartilhar:
Interações:
Votos:
4
Opiniões:
2
Seguidores:
14
Ilustração principal do artigo Google, melhor ou pior?
Autor:
Luciano Cassisi
Título:
Debate: Google, melhor ou pior?
Resumo:
A gigante da internet introduz mudanças em sua marca gráfica que merecem ser debatidas.
Traduções:
Compartilhar:
Interações:
Votos:
8
Opiniões:
4
Seguidores:
1249
Ilustração principal do artigo Branding, enfoque e sucesso
Autor:
Wesley Pinto
Título:
Branding, enfoque e sucesso
Resumo:
Branding e foco. Descubra um grupo que necessite muito de algo e alinhe a proposta de valor da marca para eles.
Compartilhar:
Interações:
Votos:
5
Seguidores:
24
Ilustração principal do artigo O que você acredita que seja Branding?
Autor:
Wesley Pinto
Título:
O que você acredita que seja Branding?
Resumo:
Muitos profissionais confundem «branding» com atividades de outras áreas. O texto a seguir surge da discussão sobre o seu significado e com as conclusões sobre o que é branding.
Traduções:
Compartilhar:
Interações:
Votos:
18
Opiniões:
5
Seguidores:
24