Rogerio Foster Vidal

Rogerio Foster Vidal

Rio de Janeiro (Rio de Janeiro) Brasil

Seguidores:
0
Votos:
1
Opiniones:
3

Diseñador Industrial profesional especialista en Design Aeronáutico e de Transportes, con 42 años de trayectoria. Trabaja en Profesional en Diseño Gráfico, Industrial, Aeronáutico, Interiores de aeronaves, Transportes, Promocional e etc. Freelancer FOSTER DESIGNER.

Áreas de interés: Arquitectura, Diseño Audiovisual, Diseño Gráfico, Diseño Industrial, Diseño Web, Comunicación, Ilustración, Diseño de Interiores, Branding, Tecnología

Graduado in Diseño pela ESDI /UERJ, Escuela Superior de Diseño Industrial del Rio de Janeiro Brasil. Año 1981. Ex- Designer de la EMBRAER - Empresa Brasileña Aeronáutica SA. Brasil / São José dos Campos / São Paulo. Há trabahado en Design Gráfico Diseño Industrial, Diseño de Interiores Aeronáuticos, Decoración externas de aviones e de autobuses en Rio.(Tintas & Vinil) Participó de projéctos de EMBRAER bi - nacionales con Argentina (CBA 123 VECTOR)  i Italia (AMX - FAB A1)  Teve oportunidad de trabajar en la MODULOR Diseño Industrial & Comunicacion Visual como sócio Industrial. Trabaja hoi como freelancer in projectos de Design Aeronáuticos, Industrial, Gráficos e de transport en Brasil.

0

Jul 2013 Mi respuesta en el diálogo iniciado por Paulo Dias en el artículo Como reagir quando clientes pedem alterações no projeto?

Prof Ricardo, todos nós Designers enfrentamos quase que diariamente essa situação, pois o que fazemos inclui uma «parceria»com o cliente! Às vezes o cliente se torna uma pessoa que procura desrespeitá-lo como profissional, para angariar vantagens e conseguir o projeto que você suou , pesquisou e «baixou o santo» para atender corretamente esse cliente com valores aviltantes! Tenho feito «curso de bambolê» para ter jogada de cintura e tentar ultrapassar esses momentos de convencimento, mas sinceramente, quando o cliente não te respeita mesmo, a porta é serventia da casa!!! Com todo respeito!

0
0

May 2013 Me gusta el artículo:

0

May 2013 Mi opinión en el artículo Quanto ganha por mês um designer assalariado?

Não magino que se pague menos de R$ 800,00 que é salário de estagiário. Quanto ao valor maior tivemos conhecimento recente de um designer pleno/sênior, que coordena uma equipe em um dos maiores escritórios do Rio de Janeiro, com 7 anos de experiência que recebia R$ 2.700,00 por mês. Pouco para as funções e a experiência!

1
0

Feb 2011 Me gusta el artículo:

0

Jun 2010 Mi opinión en el artículo ¿Qué hacer para aumentar el valor del diseño?

Para melhorar a nossa profissão é preciso com urgência fazer o «Accreditation» em cada pais. Como nós Designers podemos nos apresentar aos nossos clientes como profissionais se não nos portamos como tal para a nossa profissão? Temos que fazer do Design uma profissão independente da capacidade de cada profissional. Uma profissão organizada pelos seus profissionais que os promova e os ajude a promovê-los junto ao mercado consumidor de Design. Ou seja primeiro devemos nos respeitar, para depois solicitar respeito de nossos clientes e do mercado.

0